Como conseguir clientes em tempos de crise

Conseguir clientes em tempos de crise pode ser uma tarefa difícil. Afinal, é natural que as pessoas coloquem o pé no freio e mudem a forma como elas consomem. A boa notícia é que, mesmo com este cenário, o empresário pode driblar os obstáculos e aumentar sua carteira de consumidores.

Entre as práticas que não podem deixar de ser adotadas por quem quer se destacar em tempos difíceis estão tornar as vendas mais pessoais e priorizar o bom atendimento.

Confira 6 dicas para conseguir clientes em tempos de crise

1. Torne as vendas algo mais pessoal

Cada cliente é único. Por isso, sua forma de vender para ele também tem de ser. O primeiro passo para tornar isso realidade é entender que cada consumidor é uma pessoa, com seus gostos e necessidades. Para conseguir chegar até o cliente e fazer com que ele não só efetue uma compra, como estabeleça um relacionamento de longo prazo com a sua empresa, é importante, antes de tudo, identificar quais são as necessidades desse consumidor, como ele se comporta e o que sua empresa pode oferecer para atender aquilo que ele procura e precisa.

O que funciona para um consumidor pode não funcionar para outro. Sensibilidade é a senha para tornar suas vendas mais pessoais. Na prática, para conseguir clientes em tempos de crise, é essencial prospectar sim, mas, também, investir tempo no fortalecimento das relações com os clientes já existentes.

2. Priorize o bom atendimento

Em tempos de crise, é natural que os clientes fiquem ainda mais criteriosos e cuidadosos com suas compras. Ninguém quer arriscar gastar mais do que deve quando a incerteza em relação ao futuro está no ar. Esse clima exige que as equipes de vendas das empresas se esforcem todos os dias para tratar bem os consumidores.

O cliente precisa sentir que quem está do outro lado do balcão tem como principal objetivo satisfazer sua necessidade e não fechar uma venda a qualquer custo.

3. Invista em marketing

Quando a crise afeta o negócio, muitos empreendedores acreditam que a solução é deixar de lado ações de marketing para reduzir custos e economizar. Não cometa esse erro, que pode ser fatal para sua empresa! Ao cortar a verba para marketing, você realizará menos vendas e, consequentemente, terá menos dinheiro em caixa.

A saída para conseguir clientes em tempos de crise é o equilíbrio: invista em marketing e comunicação, mas procure opções que sejam adequadas à realidade do mercado atual e da sua empresa.

4. Mantenha sua equipe motivada

Ter uma equipe de vendas motivada é um passo essencial para conseguir clientes em tempos de crise. Para alcançar esse objetivo, é importante não deixar de investir na capacitação do time. Seus funcionários precisam estar por dentro das últimas novidades e técnicas de vendas, por exemplo.

Outro ponto importante para manter a equipe motivada é realizar periodicamente programas de incentivo para os vendedores. A dinâmica deve ser simples: quem vende mais, ganha mais recompensas. Assim, você se certificará que todos se motivem para fechar mais negócios e, assim, ganharem mais prêmios. Trabalhar em um espaço agradável, com um clima harmônico, é um impulso e tanto para o time desempenhar melhor sua função. Funcionário feliz tem muito mais motivação para deixar o cliente feliz.

5. Veja o que seus concorrentes estão fazendo

Ninguém vive em uma bolha. Em plena era da informação, quem está atento a tudo o que acontece no mercado sai na frente. Para sua empresa não ficar para trás, principalmente em momentos de recessão, é essencial observar o que a concorrência está fazendo. Se for o caso, descobrir como pode adaptar as táticas usadas para a realidade da sua empresa.

Comece analisando a forma como seus principais concorrentes se comunicam com os clientes e em que canais eles estão presentes. Veja as reclamações que os consumidores fazem sobre os serviços e, principalmente, os elogios em relação às outras empresas. Observe aspectos relativos à comunicação visual e ponto de venda e compare com os principais players do mercado.

6. Seja criativo

Principalmente em tempos de crise, se reinventar é preciso. Nesse sentido, a criatividade é um ponto fundamental para se destacar e, assim, conseguir aumentar a base de clientes da empresa. Independentemente do segmento de atuação do negócio, é possível apostar em práticas diferentes para chamar a atenção do consumidor e aumentar suas vendas.

Vender mais mesmo em tempos de crise é possível. Mas, para isso, é preciso rever processos, analisar o que está dando certo e o que pode ser melhorado e, se preciso, se reinventar para voltar a ser relevante para os clientes. O passo mais importante para conseguir aumentar as vendas é saber exatamente para quem você quer vender. A partir do momento que sua marca conhece os clientes e passa a antecipar desejos e atender às necessidades dele as vendas continuarão em alta mesmo em momentos de recessão. Coloque em práticas nossas dicas e veja a diferença no seu caixa.

 

Fonte: ADV Tecnologia
www.advtecnologia.com.br

 

Como aumentar a clientela do seu restaurante

Este artigo Roberto Monteiro apresenta ações para você manter seus atuais clientes e aumentar a clientela do seu restaurante.

O hábito de comer fora está presente na vida de muitos brasileiros, seja pela praticidade de não precisar cozinhar, seja pelo prazer de provar um prato diferente. Surgidos na França no século XVIII, os restaurantes são assim chamados porque vendiam caldos nutritivos aos doentes e os restaurava da enfermidade.

Os empresários e microempresários perceberam que essa atividade pode ser muito lucrativa, por isso existem diversos estabelecimentos que oferecem os mais variados sabores. Para aumentar a clientela eles investem em alguns pontos importantes. Saiba quais são:

  • Equipe especializada. Tenha por perto do seu negócio os melhores profissionais e invista na formação deles, afinal são os garçons que fazem sugestões de pratos, e eles precisam ter um bom discurso para convencer o cliente.
  • Não se esqueça de sempre motivar seus empregados. Um funcionário satisfeito trabalha com muito mais eficiência do que um funcionário infeliz. Saiba como elogiar uma ação, assim como repreender outra.
  • Ambiente confortável. Uma boa iluminação, um ambiente ventilado e cadeiras confortáveis são imprescindíveis para que o cliente se sinta à vontade no restaurante. Disponha as mesas de uma maneira em que haja espaço para a circulação de pessoas para evitar esbarrões e tropeços.
  • Higiene. Mantenha o seu estabelecimento impecável 24 horas por dia. Preste atenção a esse fator e, na hora da limpeza, opte por produtos com aromas suaves para que nada interfira no cheiro da sua comida. Verifique se os banheiros estão abastecidos com papel higiênico e se a toalha de lavabo está em dia. Alguns estabelecimentos apostam em produtos de higiene personalizados, que dão um ar de exclusividade e requinte e podem agradar os clientes mais exigentes.
  • Cardápio com imagens. É comum existir cardápios com nomes difíceis e sem nenhuma ilustração. O cliente acaba optando por aquele prato que ele já conhece, ao invés de provar algo novo que você tem a oferecer. Se você tiver alguma promoção ou combo, informe logo nas primeiras páginas para chamar a atenção de clientes em potencial.
  • Transparência. Trabalhe com produtos de qualidade e deixe que seu cliente saiba disso. Informe que no seu restaurante só se trabalha com comida fresca, por exemplo, e coloque avisos para aumentar a confiança do consumidor. Sempre ouça todas as sugestões com muita atenção, além do cliente se sentir bem atendido com a sua disposição de melhorar, a visão dele pode trazer observações que você nunca tinha imaginado.

 

Roberto Monteiro